terça-feira, 10 de junho de 2008

Teoria 20: E quando a morte cai bem?

A teoria: Suicidas se matam para fazer alguém se sentir culpado.


Há duas causas para os suicídios em geral:

Ou a pessoa se mata devido à dívidas exorbitantes (mais raro, porém existe);

Ou o indivíduo se mata devido a alguma paixão mal-sucedida ("coração burro da porra").


Em ambos os casos, o suicida usa a própria morte para culpar aqueles que supostamente o levaram ao ato. No caso do suicídio por paixão isso é bem mais evidente (geralmente o bilhete de despedida deixa um recado bem ressentido para o alvo da paixão). Já no caso do suicídio por dívidas, por ser uma relação menos pessoal, o suicida talvez não atinja seu objetivo (de deixar seus credores se sentindo culpados) mas geralmente essa intenção também é deixada bem destacada nos bilhetes de despedidas. Para comprovar essa teoria, podemos usar nós mesmos como referência. Oras, quem é que nunca ficou imaginando o próprio velório e se questionando se aquela pessoa que te magoou estaria lá se debulhando em lágrimas? A única coisa que nos separa dos suicidas é o ato em si; os pensamentos nem tanto.

O negócio é evitar paixões destruidoras e não ouvir Radiohead.

4 comentários:

Psicologia disse...

Sem comentários, óbvio. Só quem pode comprovar a teorisa sõa suicidas e suicidas não comentam.

Bel Keppler disse...

hahahaha.
genial.

joyce disse...

As quatro últimas linhas eu gostei. Achei a teoria, em si, um exagero. Mesmo assim, acho que este post deveria ter o título, a teoria e depois pular para as 4 linhas finais, que são muito boas.

Bel Keppler disse...

meu... o freud roubou essa teoria de vc tb!!!
leu o texto "luto e melancolia"???

fiquei puta!!!